Life Time

22 coisas antes dos 22 anos – o balançeamento

Ter a oportunidade de assistir “Nunca é Tarde Demais” (“The Bucket List”) entretém-nos no presente e, muito para além disso, orienta-nos para o futuro. Mais explícita e declaradamente do que muitos outros filmes (que, no entanto, se calhar se julgam melhor adequados), confronta-nos com a efemeridade irreparável desta vida que nos foi dada “a provar” e, consecutivamente, aflige-nos com as suas implicações palpáveis, a curto e a longo prazo. Acima de tudo? Em conclusão, prepara-nos para o turbilhão de sensações que, ainda, estão por se manifestar e aconselha-nos, viva e justificadamente, a disfrutar todo o precioso tempo que temos connosco mesmos.

Feita a parte deles, que tal investirmos, então, nós também na concretização efetiva e satisfatória do nosso papel? A vida é, sim, curta demais para senãos e, enquanto o amanhã continuar desconhecido e incerto, podemos e devemos trabalhar no presente para o transformar numa única e inigualável experiência da qual não faltarão memórias!

 

Que tal estabelecermos prazos para, assim, facilitar e ajudar-nos a manter o foco no grande objetivo?

A menos de seis meses de completar mais um aniversário (pois é, sem dar por ela os vinte e dois anos estão quase quase aí “à porta”), o mais difícil será mesmo definir prioridades e decidir o que fazer em primeiro lugar, por isso chega de adiar o que deveria ser inevitável: mãos à caneta no papel, não queremos deixar nada de fora!

  • Comprar um mega pé de meia
  • Ver todos os melhores filmes da Disney
  • Contemplar o pôr e o nascer do sol
  • Pesquisar e construir a minha árvore genealógica
  • Testar um bom filme em 4DX
  •  
  • Andar de (qualquer tipo de) barco
  • Jogar (minimamente bem, espero!) bowling
  • Provar vinhos e descobrir um preferido
  • Experimentar o paintball
  • Conduzir uma mota (a mais do que 10km à hora)
  • Obter uma consulta de tarot
  • Despender, no mínimo, dez minutos num kartódromo
  • Passar um dia inteiro num SPA
  • Viver, pelo menos, uma noite da Queima das Fitas
  • Vivenciar algum Escape Game
  • Ajudar com trabalho voluntário
  • Ir a um casino
  • Assistir um jogo de futebol no estádio
  • Estar num concerto
  • Concretizar o sonho de batismo de cavalo
  • Aprender, mais e melhor, a cozinhar
  • Fazer uma tatuagem que comporte significado

 

Estas são as minhas 22 coisas antes dos 22 anos, os motivos pelos quais eu acredito que este será um grande ano! Então?Já definiste também as tuas, à tua própria medida? Certamente!

Somos ou não somos capazes? Parece que não, mas talvez acabemos, no final, por nos surpreender!

Pois é…

Também podes gostar!